[revisão] TERAPÊUTICA DAS AVES SILVESTRES .PDF

RESUMO
   O grande interesse por aves exóticas como animais de estimação vem crescendo e estimulando o mercado de produtos para estas espécies. Como o estudo dessa área ainda é escasso, o medico veterinário precisa de alguns recursos para obter doses de medicamentos para aquelas espécies que ainda não foram estudadas; um desses recursos é a extrapolação alométrica, onde se leva em conta o peso metabólico em vez do peso corpóreo. O uso de antibióticos é necessário para controle das infecções causadas por bactérias, mas é importante fazer a escolha correta para não afetar a flora bacteriana e controlar a infecção, já que nas aves, esse processo ocorre de forma rápida. As infecções causadas por fungos estão ligadas à deficiência imunológica, estresse, desnutrição e falta de higiene, por isso os antimicóticos não podem apresentar alta toxidade. Os analgésicos, além de inibirem a sensação de dor, atuam como antiinflamatório, antipirético e antiespasmódico. Para repor líquidos, eletrólitos e nutrientes em aves desidratadas e debilitadas, utiliza-se da fluidoterapia. 
PALAVRAS-CHAVE: aves silvestres, farmacologia, terapêutica.


ACESSAR ARQUIVO

Tecnologia do Blogger.