[PDF] TIMPANISMO EM RUMINANTES

O timpanismo é um distúrbio metabólico de animais ruminantes, que está associado a fatores que impedem que o animal elimine gases produzidos durante a fermentação ruminal. É caracterizada pela distensão acentuada do rúmen e retículo, que acarreta um quadro de dificuldade respiratória e circulatória, com asfixia e morte do animal. Este pode ser classificado em primário e secundário. No timpanismo primário ocorrem alterações na quantidade e qualidade da saliva produzida, podem também influenciar na formação de bolhas e no desenvolvimento do timpanismo. Já o timpanismo secundário é a distensão do rúmen por excesso de gás livre no topo do conteúdo ruminal, esse distúrbio ocorre quando há dificuldade física à eructação. O tratamento depende das circunstâncias em que ocorre o timpanismo, se espumoso ou de gás livre, e se há ou não risco de vida.

Tecnologia do Blogger.