Aspectos básicos do comportamento social de bovinos.pdf

Resumo
   Os bovinos são animais gregários, apesar da vida em grupo trazer uma série de vantagens adaptativas ela também resulta em competição por recursos, principalmente quando escassos, resultando na apresentação de interações agressivas entre os animais do mesmo grupo ou rebanho. Essa é uma questão muito importante na vida social dos bovinos, principalmente quando mantidos sistemas intensivos de criação ou em condições pouco apropriadas às suas necessidades, podendo ter efeitos importantes na definição do manejo reprodutivo. As interações sociais envolvem muitos fenômenos comportamentais de importância para o manejo reprodutivo; dentre eles a formação da hierarquia de dominância e a definição de liderança, que certamente são dependentes do espaço e recursos disponíveis e da densidade populacional. Um dos recursos que afeta a competição entre machos é a disponibilidade de fêmeas em cio: a formação da hierarquia de dominância entre os touros traz como principal conseqüência a predominância de cópulas efetivadas pelo touro dominante, caracterizando um sistema de acasalamento poligínico. Mas, dependendo da situação outras estratégias de acasalamento alternativas podem ser utilizadas, com ocorrência de poliandria e promiscuidade. Nestes casos mesmo o touro mais submisso do lote pode ter sucesso reprodutivo.
Palavras–chave: interações sociais, dominância, área de vida, sistema de acasalamento.

Tecnologia do Blogger.