Genética da prolificidade e seu emprego na produção ovina .pdf

 Resumo
A existência de rebanhos de ovinos que apresentam alta freqüência de partos múltiplos tem sido observada desde há muito tempo, mas apenas recentemente foi identificada a causa genética da prolificidade de algumas destas populações. Mutações nos genes das proteínas morfogenéticas de osso (BMP) e seu receptor foram apontadas como causadoras do aumento da taxa de ovulação e por conseqüência dos partos múltiplos de diversas populações de ovelhas dentre elas as conhecidas como Booroola. O desenvolvimento de testes de DNA eficazes com capacidade de identificação precoce e rápida destes haplótipos tornou possível a sua utilização na produção comercial de ovinos. O uso racional destas ovelhas possibilita até duplicar a produção de cordeiros desmamados. 
Palavras-chave: prolificidade, Booroola, cordeiro, gêmeos, ovinos, parto múltiplo.

Acesso Online
ou
Tecnologia do Blogger.