Abordagem terapêutica do paciente neonato canino e felino: Aspectos relacionados a teoria intensiva, antiparasitários e antibióticos.pdf


Resumo
A despeito das inúmeras particularidades da fisiologia dos filhotes, em neonatologia clínica, a terapia com drogas pode ser resumida em três grandes áreas que compreendem: terapia de suporte e cuidados intensivos, incluindo oxigenioterapia, termorregulação, nutrição, balanço hidroeletrolítico e ácido-básico; terapia antiparasitária, envolvendo o controle de parasitas externos, como pulgas e carrapatos, e internos, como as espécies de Ancylostoma e Toxocara; e combate às infecções bacterianas, especialmente a septicemia neonatal, condição patológica de grande importância em pediatria humana e veterinária, com tratamento baseado na antibioticoterapia, foco principal da dessa revisão. 
Palavras-chave: neonato, cão, gato, antibióticos, antiparasitários, terapêutica.


ou
Tecnologia do Blogger.