Influência da tensão de oxigênio na maturação oocitária e cultivo in vitro de folículos e embriôes.pdf


Resumo
Espécies reativas de oxigênio (ERO) são produzidas naturalmente durante o metabolismo celular. Em condições in vitro, a produção destas substâncias é potencializada pela presença de altas tensões de oxigênio (O2), gerando o estresse oxidativo. Esta condição pode ser prejudicial a diferentes processos fisiológicos, requeridos para o desenvolvimento normal de diferentes células e estruturas. Em gametas e embriões, os efeitos deletérios das espécies reativas de oxigênio envolvem peroxidação dos lipídios das membranas, danos ao DNA e morte celular por apoptose ou necrose. Esta revisão destaca a importância da tensão atmosférica de O2 no cultivo in vitro de folículos, oócitos e embriões.

Palavras-chave: cultivo celular, estresse oxidativo, folículo, embrião oxigênio.


ou
Tecnologia do Blogger.