ASPECTOS FARMACOLÓGICOS SOBRE EMÉTICOS E ANTIEMÉTICOS.pdf


RESUMO


Na farmacologia aplicada á medicina veterinária, existem medicamentos que auxiliam o profissional na realização de diagnóstico e tratamentos de enfermidades que atingem os animais domésticos. O vômito ocorre basicamente através de contrações da musculatura abdominal e do diafragma. Os medicamentos eméticos induzem o vômito ou êmese, e os antieméticos, inibem a êmese. São bastante utilizados pelos médicos veterinários quando ocorrem situações de intoxicação, indução de anestesia geral e ingestão de venenos não-corrosivos. Servem para impedir ou reduzir a absorção do agente tóxico ingerido e que ainda está presente no estômago. Ambos são de ação central ou periférica dependendo da necessidade e são de fácil administração. Os animais carnívoros, os primatas, determinadas aves e os répteis são capazes da êmese, já os equinos, coelhos, roedores e animais ruminantes são incapazes de vomitar. O presente trabalho teve como objetivo desenvolver uma revisão de literatura sobre os fármacos eméticos e antieméticos, uma vez que estes representam medicações amplamente utilizadas na clínica médica veterinária.


Palavra-chave: farmacologia, veterinária, vômito, ingestão.


ACESSAR DOCUMENTO COMPLETO 
Tecnologia do Blogger.