PRINCIPAIS CAUSAS DE PROBLEMAS REPRODUTIVOS EM PORCAS

RESUMO
Esta revisão de literatura visa abordar os principais problemas reprodutivos dentro de uma granja suína. O aborto pode ser categorizado em dois tipos: oriundo de causas infecciosas e oriundo de causas não infecciosas. O percentual de aborto aceitável na suinocultura tecnificada encontra-se entre 1 a 1,5%, entretanto, alguns estudos relatam taxa um pouco maiores em alguns rebanhos suínos. Existem diversos fatores predisponentes, tais como abortos sazonais, stress calórico e ambiental, baixo nível de higiene, deficiências nutricionais, entre outros. Entre as causas infecciosas, podemos destacar: doença de Aujeszky, parvovirose, leptospirose, circovirose, peste suína clássica, brucelose e PRRS. Observando todos esses fatores de influência no sucesso reprodutivo de uma granja, devemos sempre estar atentos a suas causas, de modo a prevenir sua ocorrência.
Palavras-chave: suínos, fisiopatologia da reprodução, falha de concepção, causas infecciosas, causas não infecciosas


Tecnologia do Blogger.